Pesquisar
logotipo-refh-transparente

Publicidade

[uam_ad id=”3500″]

Você realmente pensa no cliente?

Colunista: Tufic Derzi

Publicidade

Há aproximadamente dois meses estou em um processo de adaptação para morar definitivamente em uma cidade do Sul do Brasil. Nesse período, três situações diferentes chamaram minha atenção.

Situação 1: Em uma academia de médio porte, negociei presencialmente uma permuta. Conforme combinado com o dono, enviei uma proposta. A mesma foi recebida e nenhuma resposta foi emitida. Não fiquei triste por não ter “fechado” a parceria, mas fiquei decepcionado por não ter tido retorno.

Situação 2: Procurei um salão para que cortassem meu cabelo, pois quero “ficar na régua” de 15 em 15 dias. Escolhi um, gostando do serviço executado. Há uma semana, o dono avisou que iria mudar de endereço e enviaria o novo local. Três mensages nesse período foram enviadas para receber apenas uma resposta de que iria me informar o novo endereço. Mas, ele enviou? Não! Tive que procurar outro profissional e … gostei do resultado. Acredito que tenha perdido um cliente.

Situação 3: Nesse novo salão, marquei hora mas cheguei 15 minutos antecipadamente. O dono do estabelecimento perguntou, gritando, aonde estava o funcionário X. Disse-lhe que eu tinha chegado antes do horário agendado. Mais um detalhe me chamou a atenção: estavam trocando o letreiro da fachada e, dentro do salão, os outros 3 colaboradores falavam muito alto, sendo o barulho bem inconveniente.

Será que estou sendo implicante?

Quando se conhece Marketing, o profissional fica exigente, pois vislumbra um atendimento de excelência.

Leia outros artigos

O que achou desse artigo?

Publicidade

Publicidade

Publicidade

REF&H
Enviar